Você está em: Objetivo / Saiba mais / O Hino Nacional - Parte 2

O Hino Nacional - Parte 2


Concluímos a apresentação do Hino Nacional acompanhado de uma paráfrase (uma “tradução” em palavras mais simples) para que você o entenda melhor. Lembre-se de que os versos são de Joaquim Osório Duque Estrada e a música de Francisco Manoel da Silva.

Hino Nacional Brasileiro - Parte II Paráfrase
Deitado eternamente em berço esplêndido,
Ao som do mar e à luz do céu profundo,
Fulguras, ó Brasil, florão da América,
Iluminado ao sol do Novo Mundo!
Deitado para sempre num berço magnífico,
ao som do mar e sob a luz de um céu grandioso,
brilhas, ó Brasil, ornamento da América,
iluminado pelo sol do Novo Mundo!
Do que a terra mais garrida
Teus risonhos, lindos campos têm mais flores;
"Nossos bosques têm mais vida";
"Nossa vida" no teu seio "mais amores".(*)
Teus campos, que são alegres e lindos,
têm mais flores do que a terra mais bela;
“nossos bosques têm mais vida”;
“nossa vida”, no teu solo, tem “mais amores”.(*)
Ó Pátria amada,
Idolatrada,
Salve! Salve!
Ó Pátria amada,
idolatrada,
salve! salve!
Brasil, de amor eterno seja símbolo
O lábaro que ostentas estrelado,
E diga o verde-louro dessa flâmula
– Paz no futuro e glória no passado.
Brasil, de amor eterno seja símbolo
O lábaro que ostentas estrelado,
E diga o verde-louro dessa flâmula
– Paz no futuro e glória no passado.
Mas, se ergues da justiça a clava forte,
Verás que um filho teu não foge à luta,
Nem teme, quem te adora, a própria morte.
Mas, se pegares em armas para defender a justiça,
verás que um filho teu não foge da luta
e que quem te adora não teme a própria morte.
Terra adorada
Entre outras mil,
És tu, Brasil,
Ó Pátria amada!
Brasil, ó pátria amada,
tu és,
entre mil outras terras,
aquela que adoramos.
Brasil, ó pátria amada,
tu és,
entre mil outras terras,
aquela que adoramos.
Tu és mãe encantadora para os filhos desta terra,
pátria amada, Brasil.

(*)  As expressões entre aspas foram extraídas da “Canção do Exílio”, de Gonçalves Dias.