Você está em: Objetivo / Saiba mais / O Hino Nacional (Introdução)

O Hino Nacional (Introdução)


O Hino Nacional Brasileiro faz parte dos símbolos do nosso país, assim como a bandeira nacional e os brasões do país.

Sua composição data do século XIX, mas ele não nasceu assim como é hoje, pois passou por três versões diferentes, até ser adotado como símbolo nacional. A primeira delas foi escrita em 1831, época da Monarquia, para comemorar a abdicação de Dom Pedro I ao trono real em favor de seu filho Dom Pedro II. Em 1841, ainda no período da Monarquia, o Hino recebeu a segunda letra, que celebrava a coroação de Dom Pedro II.

Finalmente, em 1889, quando o marechal Deodoro da Fonseca proclamou a República, foi que a música de Francisco Manuel da Silva se oficializou como Hino Nacional Brasileiro, mas o poema de Osório Duque Estrada foi adotado como letra do Hino somente em 1922.
Por que, para muitos brasileiros, o Hino Nacional é difícil de entender? Por dois motivos. Primeiro, porque ele contém algumas palavras – não muitas – que nem todos conhecem.

Em segundo lugar, e principalmente, porque algumas de suas frases apresentam inversão na ordem das palavras. Se for esclarecido o significado de umas poucas palavras e se forem colocadas em ordem direta as frases invertidas, todos podem entender inteiramente o Hino.

Acompanhe a seguir uma paráfrase, isto é, uma espécie de “tradução” do Hino. Lembre-se de que os versos são de Joaquim Osório Duque Estrada e a música de Francisco Manoel da Silva.