No abraço dos imigrantes o refúgio de um país


No abraço dos imigrantes o refúgio de um país

Eles vieram ao nosso país para buscar novos modos de vida. E mudaram para sempre as nossas vidas. Vieram, fincaram raízes, cresceram e geraram frutos. Nós nos aculturamos deles. Adotamos suas palavras, suas receitas, sua dança. Cantamos suas músicas. Quem, descendente de italiano, não viu o avô falando com os braços em movimento? Quem, descendente de japoneses, não tem um familiar sorriso tímido? Nós, brasileiros, somos estrangeiros. Falamos diet, réveillon, shopping, abajur. Comemos feijoada, pizza, cachorro-quente, quibe, sashimi, e tantas outras receitas trazidas pelos imigrantes.
 
E o bolo de fubá da casa da vovó? Lembranças que os imigrantes trouxeram de suas terras de origem e nos impregnam de recordações de nossa infância brasileira. Imigrantes de ontem e de hoje, vocês estão em nossas vidas. Nós fomos abraçados por vocês. Nós nos refugiamos em vocês. 
Texto de Sandra Miessa

Confira as Fotos: